QUANDO MENOS É MAIS – OVERTRAINING

by

 

Síndrome de Overtraining ou Sobretreinamento, é um aspecto que todo treinador ou preparador físico deve saber.

Overtraining em um de seus entendimentos pode ser definido como um processo de fadiga acumulativa ou prolongada, e com este resultado uma queda de performance devido ao processo lento de recuperação após períodos de treinamento intenso.

É importante salientar que seguidamente há uma confusão entre os termos Overtraining e Over Reaching, este último, o efeito causado após um período de treinamento extremamente intenso, que após um período de descanso, leva ao processo de recuperação total e ao aumento de performance. Esta é uma parte integrante de um processo de treinamento de alto rendimento, fazendo parte de qualquer processo de periodização de treinamento.

Os sintomas entre os dois termos são relativamente parecidos, porém, no Over Reaching, estes desaparecem rapidamente após o processo de recuperação adequado. Já no Overtraining, este pode permanecer durante semanas ou até meses.

Outro fator que provoca confusão é que o Over Reaching, pode ser considerado o estágio inicial do Overtraining, que se repetido seguidamente e sem o processo de recuperação adequado, levará ao Overtraining.

man tired relaxed after workout exercise

man tired relaxed after workout exercise

Pessoas que praticam exercícios de Endurance (Resistência) estão mais propensas a este tipo de síndrome. Não sendo tão comum em pessoas que praticam esportes de força.

Alguns de seus sintomas podem ser: Fadiga constante, depressão, insônia, ansiedade, diminuição da libido, perda de peso e de apetite, irritabilidade, dentre outros.

É importante a detecção destes sintomas logo no início, sendo assim menos prejudicial para o indivíduo. Fatores como a intensidade do treinamento pode ser uma alternativa simples para a reversão do quadro de Overtraining. Na continuidade do processo de Overtraining, o na demora da sua detecção, lesões musculares e ósseas dentre outras complicações podem ocorrer fazendo com que o individuo pare totalmente com suas atividades e por períodos prolongados.

Nos últimos anos, os cuidados com Overtraining vêm crescendo constantemente, principalmente em relação as estratégias de recuperação dos seus efeitos. Pode parecer que este texto pode se voltado somente a atletas de competição, mas não é, esta síndrome pode acometer qualquer praticante de exercício físico. Portanto, é importante sempre estar atento aos sinais do seu corpo, e a forma como e orientado todo o processo de treinamento.

Por Fabrício de Oliveira – Preparador Físico
CREF: 014470-G/RS
FIT PRO
Rua Marechal Floriano Peixoto, 475. Santa Maria.
(55) 3347-3397

 

Ainda não há comentários.

Deixe um comentário